Apresentação do livro Montes Encantados de Américo da Gama

 

No dia 21 de Abril de 2012, sábado, a Póvoa de Varzim presenciou no Diana Bar o lançamento do livro Montes Encantados. O autor do livro é Américo da Gama conhecido como António Damásio.

A turma de Mesa e Bar ­(29ª) da Casa Escola Agrícola Campo Verde esteve presente com os formadores Olga Martins e Joaquim Lampeiro para proporcionar um beberete e dar os parabéns ao professor – autor António Damásio.

O evento esteve maravilhoso, o professor estava feliz e um pouco nervoso; também contámos com a presença do vereador da cultura da câmara municipal da Póvoa de Varzim – Dr. Luís Diamantino bem como com amigos e familiares do professor/formador e demais público. Os formadores da Casa Escola Agrícola Campo Verde também marcaram presença pois não podiam perder este lançamento e um dia muito importante para o professor António Damásio.

A nossa escola ajudou com os preparativos para o lançamento do livro, pois o professor Damásio merece pelo bom homem que é.

Fizemos uma pequena entrevista a António Damásio:

  • Como aparece o Dr. Damásio no tempo e no espaço enquanto escritor? Quais são as suas fontes de inspiração? Porque escreve?

O meu contexto familiar e as mudanças de terra criaram-me instabilidade emocional que ligada ao desejo de ser justo criaram-me proporcionaram-me condições para desabafar sobre a escrita.

  • O lançamento do livro “Montes Encantados” deve-se a que objectivo? Fale-nos do título e dos conteúdos abordados neste livro de poesia. Já agora é um livro de poesias?

O objectivo desse livro deve-se ao facto de encontrar nos montes um local privilegiado ao silêncio e sossego e deixar correr as minhas inspirações. Já escrevi dois livros com o tema do mar e este livro inclui três capítulos.

Os sonhos, isto é, devemos ter em toda a vida as lutas que mudam as circunstâncias, mas que nos indicam que não devemos desistir e as descobertas que nos mostram o encanto e a maravilha que todos nós temos, as pessoas com quem convivemos e a natureza.

Este livro teve um impulso de entusiasmo com oferta de um lameiro e estando eu a fazer 60 anos  encheu a minha alma de alegria e vontade de dizer aos mais novos para terem mais esperança no futuro por maiores dificuldades que existam, por exemplo, a falta de dinheiro.

  • O que espera do seu futuro enquanto escritor? Para quando  um novo livro?

Até me reformar, se deus quiser daqui a cinco anos, vou aproveitar todas as oportunidades para ir escrevendo e depois quero lançar um livro que já tem  o título “HORIZONTES” e será dedicado às crianças e aos netos se existirem.

Este meu livro é mais de prosas do que de poesias, porque sinto-me mais livre. Não é tudo na vida, mas tem mas tem um aspecto fundamental: deixar falar o meu coração com optimismo e valores.

A terminar: muito obrigado pelos alunos que tenho.

 

Comments are closed.